• 1
  • 3
  • 2

ABASTECIMENTO NORMALIZADO

imagesConforme comunicado, nesta quarta feira, 17/12, o abastecimento de água na Sede do município sofreu interrupção programada para realização de inspeção e manutenção de rotina na Estação de Tratamento de Água e descarga na rede. Na oportunidade foram realizadas limpezas e manutenção nas captações do Matumbo, Córrego da Luz e Ribeirão da Luz na região serrana do município. Embora a interrupção estivesse prevista para ocorrer entre 06:00 e  21:00 horas, a equipe de manutenção foi capaz de finalizar o serviço às 14:00 horas. Desde então o  abastecimento foi normalizado em toda cidade.

 

Toda equipe do ÁGUAS DE CASIMIRO agradece a nossos clientes pela compreensão, pois nosso objetivo é manter o serviço e a água em padrão de excelência para os Casimirenses.

 

Eliezer Crispim, 17/12/2014.

PLANO MUNICIPAL DE SANEAMENTO

Profissionais de Casimiro de Abreu participam de oficina sobre plano municipal de saneamento

Plano Municipal
Informações estão sendo repassadas pela Secretaria Estadual do Ambiente no Rio de Janeiro 
 
A Prefeitura de Casimiro de Abreu deu mais um passo para a elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico. Profissionais do município participam desde segunda-feira, dia 17, de uma oficina preparatória realizada pela Secretaria Estadual do Ambiente no Rio de Janeiro. No primeiro dia, o curso aconteceu no auditório do Instituto Estadual do Ambiente (Inea). Já nesta terça-feira, dia 18, está sendo realizado na Firjan. 
 
A capacitação dará embasamento aos técnicos que vão acompanhar e contribuir para os estudos e a execução do plano. Durante os dois dias, eles aprenderam sobre legislação e as principais metodologias para elaborar o documento. "Vamos cumprir o prazo que está disposto na lei para finalizar o Plano de Saneamento Básico. Em relação ao Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos, a Prefeitura já está com o estudo finalizado”, disse o presidente do Serviço Autônomo de Águas e Esgoto (SAAE), Eliezer Crispim. 
 
De acordo com a Lei nº 11.445/2007, de diretrizes nacionais para o saneamento básico, a existência do plano é a condição para que os municípios continuem recebendo verba da União para ser aplicada em ações e serviços de saneamento básico. “O plano é primordial para contribuir com a melhoria da saúde da população e para as condições ambientais de Casimiro de Abreu e região”, observou Eliezer. 
 
Participam da oficina a assessora técnica da Secretaria de Educação, Maíse Alfradique; a auxiliar administrativa da Secretaria de Habitação, Letícia Lira Correa; o presidente do Serviço Autônomo de Águas e Esgoto (SAAE), Eliezer Crispim; o técnico da vigilância sanitária municipal, Aloízio Coutinho; e a fiscal da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Adriana Couto.

Fonte: SECOM/PMCA, publicado em 18/11/2014

NOVA MARCA COMERCIAL DO SAAE

Águas de Casimiro 2

 

Na última quarta feira, 10/12, a Câmara Municipal aprovou o projeto de lei que muda a marca comercial da autarquia municipal Serviço Autônomo de Água e Esgoto, antes chamado SAAE para Águas de Casimiro. A nova marca e layout traz proposta de valorização da água como recurso indispensável à vida, atrelada a memória do poeta Casimiro de Abreu, patrono de nosso município. Neste mesmo sentimento a marca visa enaltecer a diversidade de recursos naturais amplamente presente no território de nosso município que está inserido em Áreas de Preservação Ambiental (APA), garantia segura as futuras gerações.

No último ano o Serviço Autônomo de Água e Esgoto veem passando por um processo de reestruturação objetivando resgatar credibilidade com racionalidade para uma gestão eficiente no cumprimento da sua primordial missão: “Prover e garantir água potável de qualidade com suficiência para todos, coletar e sanear o esgoto, com consequência de sustentabilidade, saúde e qualidade de vida aos Casimirenses”.

 

Com a promulgação da lei pelo executivo, a autarquia inicia a transição em suas peças atuais de divulgação e materiais de expediente da extinta marca SAAE para nova marca e layout da Águas de Casimiro.

 

CHUVAS SÓ PARA FIM DE NOVEMBRO

SÃO PAULO (Reuters) - O Operador Nacional do Sistema (ONS) divulgou nesta sexta-feira previsões oficiais para a situação de energia elétrica do país em que estima que o nível de represas de hidrelétricas Sudeste cairá para 15 por cento no fim de novembro. A previsão na semana passada era de 15,5 por cento.

 

Ao mesmo tempo, o ONS prevê que as chuvas no Sudeste deverão ficar a 69 por cento da média histórica no próximo mês, numa redução ante o nível estimado na semana passada, de 74 por cento. Os dados constam do relatório Programa Mensal de Operação (PMO). Já sobre o consumo de carga de energia na região, a expectativa do ONS é de que subirá 2,3 por cento, numa expansão em relação aos 1,8 por cento previsto em relatório divulgado na sexta-feira passada.

 

Para o Nordeste, a expectativa para o fim do mês é de chuvas a 38 por cento da média histórica de novembro, represas a 11,5 por cento e consumo de carga avançando 4,7 por cento. Segundo a expectativa do ONS, a previsão de carga no Sistema Interligado Nacional (SIN) do país é de crescimento de 2,9 por cento no final de novembro ante estimativa da semana passada de aumento de 2,6 por cento.

 

Atualmente, o nível das hidrelétricas do Sudeste é pior que o registrado ao final de outubro de 2000, ano pré-racionamento, e especialistas do setor têm alertado que há grande risco de racionamento em 2015 se não chover perto das médias históricas durante o período úmido. Apesar disso, o diretor-geral do ONS, Hermes Chipp, reiterou mais cedo que não há risco de racionamento de energia no país. Na quarta-feira, o Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE) elevou para 5 por cento o risco de déficit de energia em 2015 no Sudeste e Centro-Oeste do país, atingindo assim o risco máximo tolerável no sistema. No mês passado, o CMSE estimava esse risco em 4,7 por cento.

 

(Por Alberto Alerigi Jr.)   07/11/2014.

 

Fonte: http://economia.uol.com.br/noticias/reuters/2014/11/07/ons-reduz-previsao-de-chuvas-e-eleva-estimativa-de-carga-no-fim-de-novembro.htm